Slideshow

Distribuição geográfica

E-mail Imprimir PDF

As passifloras são encontradas naturalmente nas Américas, Índia Ocidental, Galápagos, África, Austrália, Filipinas, sudeste Asiático e em muitas ilhas do Oceano Pacífico, sendo que muitas destas espécies vêm sendo introduzidas em outros países (Vanderplank, 2000). A família apresenta distribuição tropical e subtropical, com a América do Sul abrigando cerca de 95% do total de espécies. Todavia, acredita-se que tenham originado-se nos trópicos, em seu habitat natural – Mata Atlântica, e dispersa para outras regiões após sua introdução na Europa no século XVII (Vanderplank, 2000).

Cerca de 200 espécies do gênero ocorrem no Brasil (Sacco, 1980), apresentando um grande número de espécies nativas com elevada variabilidade fenotípica. A região Centro-Norte apresenta-se como o maior centro de distribuição geográfica no país (Ferreira, 1994), com uma expressiva ocorrência do gênero Passiflora no estado da Bahia, com 45 espécies relatadas, como a P. villosa e P. galbana (Nunes e Queiroz, 2001). Com isso, o Brasil é considerado o centro de dispersão de muitas espécies (Ferreira, 1994), oferecendo ao país uma condição privilegiada com relação aos recursos genéticos dessas espécies.

Por Marcel Viana Pires

 

Você está aqui: Passicultura | Características Gerais